O que você está procurando?

Gramado, na Serra Gaúcha, é um dos destinos que mais recebe turistas no Brasil.

Ao lado dela está Canela, uma cidade super charmosa, que hoje é praticamente tão famosa quanto à vizinha.

As duas cidades são repletas de atrações e, por mais que muitos associem com um destino caro para visitar, Gramado e Canela têm diversos programas e atrações gratuitos.

Gramado

Passear pelo centro e pela Av. Borges de Medeiros

A Borges de Medeiros é a principal avenida de Gramado. Ao longo dela você vai encontrar algumas das atrações mais famosas da cidade e perceber que, além da fiação ser subterrânea (preservando o charme da cidade), as fachadas mantém o estilo de arquitetura germânico.

Na foto abaixo, uma galeria com lojas, cafés (e até o MacDonald’s) com uma construção inspirada em Hogwarts, a escola Harry Potter.

Palácio dos Festivais

Também na avenida Borges de Medeiros, o Palácio dos Festivais é famoso por sediar o Festival de Cinema de Gramado, um dos maiores eventos cinematográficos do Brasil.

Rua Coberta

Localizada na frente do Palácio dos Festivais, a Rua Coberta é uma rua que, como o nome já diz, é coberta. Nela você encontra lojas, restaurantes e cafés.

Praça Major Nicoletti

Ao lado da Rua Coberta tem a Praça Major Nicoletti, um ótimo lugar para fazer uma pausa e descansar.

Cenários fotogênicos

No ano passado Gramado ganhou um espaço com 18 cenários super legais para fotografar.

O meu favorito foi esse abaixo, com o mapa-múndi.

 

Esse lugar fica em uma casa de dois andares no centro da cidade, bem na esquina da Borges de Medeiros com a Senador Salgado Filho.

Igreja Matriz São Pedro

A Igreja Matriz de Gramado é a São Pedro, que também fica na Av. Borges de Medeiros, na frente da Praça Major Nicoletti.

Fonte do Amor Eterno

Logo ao lado da Igreja São Pedro, a Fonte do Amor Eterno é uma atração relativamente nova, que surgiu há alguns anos e, como em outros lugares do mundo, os casais colocam cadeados com corações e as iniciais dos nomes.

Rua Torta

Inspirada na Lombard Street, de San Francisco (Estados Unidos), a rua Emílio Sorgets é famosa por ser a “Rua Torta”.

Ela fica no centro de Gramado, bem próxima à Praça das Etnias.

A rua não é torta, mas temos essa sensação pela sinalização/pintura do asfalto e pelos canteiros, que acabam moldando a via.

Praça das Etnias

Quase na frente da Rua Torta, a Praça das Etnias é uma homenagem aos imigrantes italianos, portugueses e alemães que colonizaram a região.

A praça tem casas temáticas e vende produtos locais, típicos da colônia. Lá você encontra a Casa do Colono e o Memorial Casa Italiana.

Lago Negro

O Lago Negro é o principal cartão postal de Gramado e é, sem dúvidas, um dos meus lugares favoritos de Gramado e da Serra Gaúcha.

O Lago Negro é um lago artificial no meio de um bosque. As mudas de pinheiros que contornam o lago foram trazidas da Floresta Negra, na Alemanha.

O cenário é lindo em qualquer época do ano, mas durante o final da primavera e início do verão fica ainda mais lindo, com hortênsias por todos os lados.

Uma das principais atrações por lá são os pedalinhos em formato de cisnes e, mais recentemente, as caravelas. Essa é uma atração paga.

Eu amo araucárias!

Le Jardin – Parque de Lavandas

O Le Jardin é um Parque de Lavandas lindo localizado na entrada de Gramado.

Aqui no blog tem um post contando sobre a minha experiência lá. Para ler é só clicar aqui.

Parque Carrieri

O Parque Carrieri é um lugar que, durante o Natal Luz, recebe algumas atrações, mas eu incluí ele na lista caso você visite a cidade durante o final da primavera e início do verão.

Nessa época o parque fica cercado por hortênsias. Parece um sonho de tão lindo!

Natal Luz

O Natal Luz, que geralmente vai de outubro a janeiro, é um dos eventos mais famosos de Gramado.

A maior parte das atrações do festival são pagos, mas o desfile e a cerimônia de acendimento das luzes são gratuitos. Vale a pena assistir!

Lago Joaquina Rita Bier

Assim como o Lago Negro, o Joaquina Rita Bier também é um lago artificial.

Ele é bem famoso durante a época do Natal Luz, que é quando ele recebe algumas atrações, mas se você visitando Gramado em outro período do ano e estiver com tempo, vale pelo menos dar uma passada por lá.

Fábrica de chocolates

Inspirada nas lojas de chocolates artesanais de Bariloche, na Patagônia Argentina, Gramado trouxe essa tradição para a Serra Gaúcha e passou a produzir chocolates artesanais, que hoje são famosos no país inteiro.

Além de visitar algumas lojas e experimentar os chocolates deliciosos, vale a pena visitar alguma das fábricas de chocolates.

Eu não fiz o tour, mas indico a visitação (gratuita) na fábrica da Prawer, que é um dos meus chocolates favoritos.

Caminhar sem pressa e curtir cada uma das estações

Uma das coisas que eu mais gosto de Gramado e Canela é caminhar sem pressa pela cidade e curtir o clima da cidade.

Cada estação do ano tem o seu charme, seja durante a primavera e o verão, quando a cidade está florida, no inverno, com todo o charme que ele ou durante o outono, com os plátanos decorando as ruas da cidade.

Canela

Canela acaba concentrando menos turistas, mas não por ser menos interessante.

As principais atrações de Canela são mais afastadas e, geralmente, cobram entrada – como é o caso do Parque e Cascata do Caracol, Castelinho Cararol e Parque da Ferradura, sendo esse último um dos lugares mais lindos da região.

Catedral de Pedra

Conhecida como Catedral de Pedra, a Igreja Matriz de Nossa Senhora de Lourdes é uma das principais atrações da cidade é a Catedral de Pedra.

A construção é linda, num estilo gótico e coberta de pedras de basalto.

Para mais dicas e posts de Gramado e Canela, clique aqui.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">html</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*