O que você está procurando?

A Valmarino é uma vinícola localizada em Pinto Bandeira, um lugar imperdível para conhecer na Serra Gaúcha.

Eu já tinha escrito aqui no blog um post sobre a vinícola de 2017 e, como eu retornei à Valmarino em janeiro desse ano eu resolvi que era hora de atualizar o conteúdo.

Pinto Bandeira, Indicação de Procedência (IP), Denominação de Origem (DO) Altos de Pinto Bandeira

A Valmarino fica localizada no município de Pinto Bandeira, pertinho do Caminhos de Pedra, a 12km de Bento Gonçalves e mais ou menos 25km do Vale dos Vinhedos, na Serra Gaúcha.

Como comentei no post sobre a Don Giovanni, há 10 anos a região conquistou o selo de Indicação de Procedência (IP). Isso quer dizer que os vinhos e espumantes passam por um controle de qualidade que regula a produção, de forma que mantenha sempre a qualidade e siga os pré-requisitos estabelecidos.

Além disso, a região aguarda a aprovação do selo de Denominação de Origem (DO), Altos de Pinto Bandeira, selo exclusivo para os espumantes produzidos a partir do método tradicional (champenoise) com pelo menos 18 meses de maturação. A certificação é válida para espumantes produzidos a partir das uvas Chardonnay, Pinot Noir e Riesling Itálico, todas cultivadas em espaldeira (plantio vertical).

A vinícola Valmarino

O nome da vinícola é uma homenagem aos antepassados da família Salton, que tem origem em Cison Di Valmarino, na província de Treviso – norte da Itália. Orval Salton, fundador da Valmarino, tinha parentesco com a Vinícola Salton, mas as duas nunca tiveram relação comercial.

A vinícola, que é relativamente nova (foi fundada em 1997) e atualmente conta com 16 hectares, produz 200 mil litros por ano de vinhos e espumantes, divididos em duas marcas:

  • Valmarino: vinhos e espumantes com mais personalidade maior complexidade de sabores;
  • Tre Fradéi: vinhos mais frescos e frutados. Nessa linha eles inclusive têm bag in box de 3 e 5 litros.

Degustação de vinhos e espumantes

Na primeira vez que eu estive na Valmarino, em 2017, a degustação era gratuita e podíamos escolher os rótulos.
Quem nos atendeu na época foi a Lindiane, super atenciosa e nos explicou sobre todos os rótulos.

Depois da explicação nós escolhemos os rótulos e degustamos:

  • Espumantes: Brut Prosecco, Brut Rosé, Brut, Nature, Extra Brut Tinto e dois Nature da linha Valmarino Churchill. Todos os espumantes da Valmarino são produzidos a partir do método tradicional (Champenoise).;
  • Vinhos: acabamos só experimentando apenas os tintos: Sangiovese, Merlot, Cabernet Sauvignon e o Cabernet Franc.

Como funciona a degustação

Acabei retornando em janeiro desse ano e atualmente a degustação funciona assim:

  • Carta 1: Degustação de 8 rótulos;
  • Carta 2: Degustação de 6 rótulos;
  • Carta 3: Degustação de 4 rótulos;

É possível escolher somente vinhos, somente espumantes ou um mix de ambos, mas todos do grupo devem optar pela mesma carta.

A nossa escolha:

  • Valmarino Brut Rosé;
  • Valmarino & Churchill Extra Brut;
  • Valmarino Chardonnay;
  • Valmarino Cabernet Franc Rosé;
  • Valmarino Cabernet Franc;
  • Reserva da Família, um blend com 40% Cabernet Franc, 30% Cabernet Sauvignon, 20% Tannat e 10% Merlot.

 

 

Todos os rótulos são incríveis, mas os meus favoritos são: Espumante Nature, Espumante Brut rosé, Churchill Extra Brut, Cabernet Franc Rosé, Cabernet Franc, Sangiovese e o Reserva da Família.

E ainda experimentamos as uvas Chardonnay e uma outra que não lembro qual era.

A degustação foi (mais uma vez) maravilhosa! Os vinhos e espumantes da Valmarino são sensacionais e não é a toa que a vinícola é uma das minhas favoritas.

Vinhos de qualidade, atendimento atencioso e um ótimo custo-benefício no varejo.

Mais informações

  • Endereço: Linha Jacinto Sul, Lote Rural 01 | Pinto Bandeira, Rio Grande do Sul;
  • Valores das degustações: 4 rótulos, R$ 25; 6 rótulos, R$ 45 e 8 rótulos, R$ 45;
  • A vinícola não tem visitação guiada, mas acho que em breve vai oferecer;
  • Funcionamento: de segunda-feira a sábado, das 9h às 18h; domingo, das 10h às 16h;
  • Mais detalhes aqui.

10 Replies to “Serra Gaúcha: Degustação de vinhos espumantes na Vinícola Valmarino, em Pinto Bandeira”

  1. Juciéli says: 03/05/2017 at 17:30

    Que bom que foste na Valmarino! Minha vinícola do coração!

    1. Sophia Catalogne says: 07/05/2017 at 11:06

      Adorei a dica, Juci! <3

  2. Vale dos Vinhedos | Vinícola Almaúnica - Meu mapa-múndi says: 21/05/2017 at 16:37

    […] não fosse dar conta da Degustação Reserva e Top, já que eu já tinha passado pela Cave Geisse, Valmarino e ainda tinha a Armonização do Pôr do Sol no Spa do Vinho me […]

  3. Vale dos Vinhedos | Cavas do Vale - Meu mapa-múndi says: 28/05/2017 at 15:29

    […] de passar pela pela Cave Geisse, Valmarino (ambas em Pinto Bandeira), Almaúnica e Spa do Vinho na sexta-feira, o segundo dia no Vale dos […]

  4. Vale dos Vinhedos | Vinhos Larentis - Meu mapa-múndi says: 06/06/2017 at 20:13

    […] primeiro dia da viagem (sexta-feira) nós visitamos a Cave Geisse, Valmarino (ambas em Pinto Bandeira), Almaúnica e Spa do Vinho. No dia seguinte nós começamos o […]

  5. Vale dos Vinhedos | Vinícola Milantino - Meu mapa-múndi says: 08/07/2017 at 22:36

    […] primeiro dia da viagem (sexta-feira) nós visitamos a Cave Geisse, Valmarino (ambas em Pinto Bandeira), Almaúnica e Spa do Vinho. No dia seguinte nós começamos o […]

  6. Vale dos Vinhedos | Spa do Vinho - Meu mapa-múndi says: 08/07/2017 at 22:38

    […] de passar pela Cave Geisse, Valmarino (ambas em Pinto Bandeira) e Almaúnica, o Spa do Vinho foi o gran finale do primeiro dia na […]

  7. Vale dos Vinhedos | Pizzato Vinhas e Vinhos - Meu mapa-múndi says: 08/07/2017 at 22:44

    […] primeiro dia da viagem (sexta-feira) nós visitamos a Cave Geisse, Valmarino (ambas em Pinto Bandeira), Almaúnica e Spa do Vinho. No dia seguinte nós começamos o […]

  8. Vale dos Vinhedos | Casa Valduga - Meu mapa-múndi says: 16/07/2017 at 12:57

    […] primeiro dia da viagem (sexta-feira) nós visitamos a Cave Geisse, Valmarino (ambas em Pinto Bandeira), Almaúnica e Spa do Vinho. No dia seguinte nós começamos o […]

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">html</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*