Quase tudo sobre Punta del Este

Quem me segue no Instagram sabe do meu amor pelo Uruguai! Amo por vários motivos e o melhor de tudo: é aqui ao lado (pelo menos pra mim, que moro no Rio Grande do Sul). Já perdi a conta de quantas vezes fui pra lá, mas é sempre meio corrido. Esse ano eu aproveitei o feriadão do meu aniversário (20 de abril) e dediquei uma viagem inteirinha para Punta del Este e arredores com os meus amigos.

Punta del Este

Punta del Este significa “Ponta do Leste”, que é exatamente a localização dela – a ponta oriental mais extrema do Uruguai, na divisão entre o Atlântico e o Rio da Prata.

Punta del Este não é só ostentação, iates e baladas caras e nessa última viagem eu conheci uma Punta ~lado b – e foi aí que eu me apaixonei. Estou falando de La BarraManantiales, José Ignacio, Punta Ballena, que na verdade não pertencem a Punta del Este, mas é tudo perto, quase a mesma coisa – só que diferente.

Como chegar

  • De Montevidéu para Punta del Este: são mais ou menos 120km de distância. Muita gente vai de avião até Montevidéu (Aeropuerto  de Carrasco) e de lá aluga um carro, pega um Über, transfer ou vai de ônibus.  Já citei a cia de ônibus COT no post sobre Colônia de Sacramento. O terminal deles é bem novinho e de lá pra Punta tem ônibus quase de hora em hora e demora cerca de 1h30 – 2h de viagem.
  • Avião: além do aeroporto de Montevidéu que citei ali em cima, Punta del Este tem um aeroporto menor (Aeropuerto de Punta del Este), que eu acho que funciona mais em alta temporada. Avião é muito prático e rápido, mas é tão caro… Nunca vi uma passagem que valesse a pena partindo de Porto Alegre, talvez compense mais para as cidades mais longe.
  • Carro (Brasil): de Porto Alegre à Punta del Este são aproximadamente 730km. Já fiz essa viagem de carro algumas vezes, mas se você tiver apenas um feriadão curto não vale a pena ficar tanto tempo na estrada. Importante: quem for para o Uruguai de carro tem que se informar sobre a documentação necessária, incluindo a Carta Verde.
  • Ônibus (do Brasil): são 10h de viagem de Porto Alegre a Punta. Eu não gosto de viajar de ônibus e evito sempre que possível, mas essa foi a minha opção em abril desse ano para aproveitarmos mais tempo no destino, já que a viagem de ônibus acontece durante a noite/madrugada. De Porto Alegre pra Punta del Este tem duas opções de companhias: a TTL e a Ega. Fui de Ega, que tem serviço de bordo e custou R$ 240 cada trecho. Se você optar pela Ega aale pena comprar as passagens por telefone ou diretamente na rodoviária, assim não precisa pagar IOF.
  • Navio ou ferry: Punta del Este tem porto e é um destino comum nas rotas de cruzeiros. Além disso, é possível pegar um ferry a partir de outras cidades uruguaias ou até argentinas.

Quando ir

Punta del Este bomba no verão e nessa época as hospedagem têm preços bastante elevados. Por outro lado, muitas coisas fecham no inverno…

Eu já fui em diferentes momentos do ano, mas gostei muito de ter ido em abril: os restaurantes que eu queria conhecer ainda estavam abertos e a temperatura estava super agradável. Não peguei praia, não peguei trânsito e peguei sol durante os três dias que estive por lá – isso fez toda a diferença. Vale lembrar que o inverno é mais rigoroso e venta bastante. Além disso, mesmo no verão a água do mar é super gelada!

Hospedagem

Como a minha família paterna é de Montevidéu eu quase sempre fiz bate e volta da capital para Punta e até então só fiquei hospedada por lá duas vezes.

A primeira vez foi em 2011, numa viagem de final de ano da empresa que eu trabalhava. Ficamos hospedados no YOO, um hotel boutique lindo na Avenidade Roosevelt, parada 8.

Hotel Yoo Punta del Este

DSC02616

Hotel Yoo Punta del Este

Hotel Yoo Punta del Este

Em abril desse ano nós alugamos pelo Airbnb um ap maravilhoso para 5 pessoas (mas no final fomos só em 3). O link é esse aqui. Na época pagamos R$ 385 a diária, ou seja, dividindo por 5 pessoas dava R$ 77/dia.

O apartamento é super completo, cozinha ótima, 3 quartos, 3 banheiros, sacada com vista lateral pro mar e o prédio tinha garagem, piscina, hot tub, academia, playground, cinema e um serviço excelente de portaria.

Airbnb Punta del Este

Airbnb Punta del Este

Airbnb Punta del Este

Airbnb Punta del Este

Airbnb Punta del Este

Airbnb Punta del Este

A localização é ótima, fica quase no post 6 da Praia Brava.

Como se locomover

O melhor jeito de se locomover por lá é de carro! Exceto a região central e mais turística (Av. Goleros e arredores), tudo é super distante e táxi é caro. Nós alugamos um carro durante os 3 dias e valeu muito a pena!

Gastronomia

Comer e beber é uma das principais coisas a se fazer no Uruguai! ♥ Vou escrever mais sobre isso mais pra frente e depois coloco os links aqui.

Moeda e benefícios para turistas

A moeda oficial é o peso uruguaio, mas o dólar é muito bem aceito também. Poucos lugares aceitam reais.

Turistas não residentes no Uruguai têm benefícios pelo país. Pra entender melhor é só clicar aqui.

O que fazer

Visitar as praias, tentar a sorte no famoso cassino Conrad, tirar uma foto com 8742634723 turistas em Los Dedos, comer, beber, visitar a Casapueblo, visitas vinícolas ao redor, andar sem rumo, assistir o pôr do sol, visitar Punta Ballena, José Ignacio, La Barra, Manantiales e Garzón (que infelizmente ainda não conheci), entre outros passeios… Vou fazer Fiz um post detalhando com dicas. Pra ler ler é só clicar aqui.

Punta del Este

6 thoughts on “Quase tudo sobre Punta del Este

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *