Irlanda | Galway + Cliffs of Moher

Viajei pra Galway em junho de 2010, quando morava em Dublin. O objetivo da viagem era conhecer os Cliffs of Moher e o castelo Kylemore Abbey & Victorian Walled Garden (que vou falar em outro post).

Galway até tem aeroporto, mas a Irlanda é um país tão pequeno – e tão lindo – que vale a pena fazer esse trecho terrestre. Tem como ir de trem, de ônibus, Day Tour (no centro de Dublin tem algumas empresas/agências que fazem passeios) ou carro. Como era verão e estávamos em um grupo de amigos, alugamos um carro e passamos o final de semana na costa oeste irlandesa.

Estrada Irlanda

Saímos sábado cedinho e pegamos as estradas M4 + M6. De Dublin até Galway dá uns 210km de distância e em menos de 3h estávamos no destino. As estradas são lindas e bem sinalizadas, mas é bom ter um GPS pra garantir.

Placas estada Irlanda

Um pouco antes de chegar na cidade nós passamos pelo Dunguaire Castle – que estava fechado. A Irlanda que abriga muuuuuitos castelos, mas é engraçado que chega uma hora que você “acostuma” com eles.

Dunguaire Castle

Galway

Galway é a capital do condado de Galway (sim, o mesmo nome) e, mesmo sendo pequena, é a quarta maior cidade da Irlanda. As principais ruas são Quay Street e a High Street (uma é continuação da outra) e a cidade é cortada pelo rio Corrib – que nos leva até o porto. Eu conheci pouco da cidade, mas achei super simpática e quero voltar com mais tempo.

Galway

Galway

Nada a ver com o assunto, mas tudo a ver com o assunto: tem uma música que eu gosto bastante que se chama Galway Girl, do Steve Earle. Ela ficou mais conhecida por aqui por causa do filme P.S. I Love You, que boa parte foi gravado em Wicklow (Irlanda). Esses tempos achei uma versão da música cantada/tocada por Mumford & Sons, Edward Sharpe, The Vaccines (e outros dois que não conheço) num festival no Phoenix Park, em Dublin. ♥

Mas voltando ao passeio…

A ideia era alugar um hostel/hotel na hora,  mas além de ser verão (muitos turistas, férias), a cidade estava abrigando um festival de ostras e tava tudo lo-ta-do. Pra não perder tempo fomos pro nosso primeiro passeio e decidimos resolver a questão da hospedagem depois.

Cliffs of Moher

Os cliffs estão localizados de frente para o Oceano Atlântico, numa pequena cidade chamada Liscannor, no condado de Clare. De Galway até lá dá um pouco menos de 80km e é só pegar a estrada N67. Se você for de trem ou ônibus é possível pegar outro ônibus do centro de Galway até os cliffs.

Eu não lembro quanto pagamos na época, mas vi no site que atualmente é €6 por adulto, €4 para estudante/sênior e de graça para menores de 16 anos. Se comprar o ingresso online ainda tem 10% de desconto.

Cliffs of Mohrer

Centro de visitantes

O mais legal é que essa estrutura foi construída dentro de uma colina – com objetivo de ficar mais integrada à natureza. Dentro desse espaço tem exposições e informações sobre a fauna, flora, geologia e curiosidades locais. Nesse espaço também tem banheiros, lanchonete e loja de souvenirs.

Torre O’Brien

Foi construída em 1835 por Cornelius O’Brien, descendente do primeiro rei da Irlanda, Brian Boru. Para subir na torre é preiso pagar mais €2,00 (adulto) ou €1 (crianças). A subida é feita por uma escadinha em espiral do “terraço” é bem pequeno. Em um dia com boa visibilidade é possível enxergar do alto da torre as Ilhas Aran, as Montanhas de Kerry e a baía de Galway.

Cliffs of Mohrer

Cliffs

Formado há mais de 300 milhões de anos num período conhecido como Carbonífero, os cliffs são formados por intercalações de folhelho, siltito e arenito. Na época, uma boa parte do que hoje é oceano era na verdade terra firme. O resultado de chuvas fortes + força da natureza + evolução geológica + o decorrer dos anos é esse paredão irregular e esse cenário maravilhoso.

Cliffs of Mohrer

O lugar é lindo e é, sem dúvidas, um dos mais incríveis que já conheci. Mesmo olhando as fotos a gente não consegue entender a dimensão e a grandiosidade do local.

DSC02392

O passeio pode ser guiado (fazendo a reserva com antecedência) ou seguindo a sinalização. São quase 8km de percurso (eu não cheguei a fazê-lo por completo) e 214m de altura (no seu ponto mais alto).

Cliffs of Mohrer

Amizades que fiz pela trilha. A da direta tá até piscando pra foto. 😉

DSC02398

Cliffs of Mohrer

Cliffs of Mohrer

DSC02390

DSC02396

DSC02400

DSC02402

DSC02408

DSC02403

Eu tive sorte de pegar um dia lindo e sem muito vento, mas li que no inverno e em dias ventosos pode ser bem perigoso – tanto é existe uma placa (lá no parque mesmo) em homenagem às pessoas que morreram no local.

Ah, vale lembrar que esse lugar já foi cenário para alguns filmes, como por exemplo: Harry Potter and the Half Blood Prince (Harry Potter e o Enigma do Príncipe), em 2009, Leap Year (Casa Comigo?), em 2010, The Princess Bride (A Princesa Prometida), em 1987, Ryan’s Daughter (A Filha de Ryan), em 1970. Pra ver uma lista mais completo (mas não atualizada) é só clicar aqui.

De lá voltamos pra Galway e, como não encontramos hostel e hotel no centro, acabamos nos hospedando num B+B (bed and breakfast, que é tipo uma pousada) um pouco mais afastado. Pena que não tenho foto e nem lembro o nome, mas era tudo bem limpo e confortável, o café da manhã era ótimo e os donos (irlandeses) eram bem simpáticos. No dia seguinte, domingo, fomos conhecer Kylemore Abbey & Victorian Walled Garden, mas isso é assunto pra outro post.

Mais informações sobre o lugar aqui.

Fica pra próxima

Gostaria de ter ficado mais tempo lá e de ter percorrido os 8km de extensão. Além disso, depois que eu voltei eu fiquei sabendo que tem um barco que faz um passeio pelo oceano, contornando os cliffs e acho que deve ser lindo ver tudo aquilo de um outro ângulo.

Acabei não indo em nenhum pub porque ficamos na função da hospedagem, mas deixo uma listinha de alguns bem avaliados que eu gostaria de ter conhecido em Galway: Taaffes, Tig Coil, Tigh Neachtain, The Townhouse, The Kings Head e The Quays.

4 thoughts on “Irlanda | Galway + Cliffs of Moher

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *